Quem somos

O Núcleo de Pesquisa Revitalizando Culturas: sagrado, ética e comunicação aprofunda a temática antropológico-cultural da unidade e diversidade constitutivas do universo e do humano.

Na UNISUL - Universidade do Sul de Santa Catarina (Brasil) a criação do Grupo de Pesquisa é um salto qualitativo após uma década como Programa de Extensão.

O Revitalizando Culturas deu muitos resultados exitosos propiciando marketing continuado de causas numa visão fidelizada de aliança entre os envolvidos.

Participou de exposições da ACAFE, projetos do CNPQ, do SBPC, trazendo várias premiações. Criou as Semanas dos Povos Indígenas; o UniDiversidade, coordenou a participação dos Povos Originários do Mercosul no Festival Mundial da Paz em 2006; a criação do CEPIN-Conselho Estadual dos Povos Indígenas; a criação dos Núcleos de Acessibilidade nos campi.

Deu visibilidade a estas culturas pela via midiática. Desta forma qualificou a interface Universidade/comunidades de povos originários, pessoas com deficiência, afro-descendentes, açorianos, ítalo-germânicos prestando serviços de mediação para professores e alunos junto a esses públicos-foco.

Outra repercussão enquanto Programa Revitalizando Culturas tem sido a práxis de interdisciplinaridade desde seu início em 1998.

Nessa ótica, o Núcleo assessora os trabalhos em vista de uma Unidade do humano nas diversidades constitutivas antropo-cósmicas. Assume as diferenças como um desafio inerente ao humano pois nisto somos todos iguais: em sermos diferentes. É uma igualdade ontológica e cuja vivência conta, seja para a nossa realização pessoal e profissional, seja para nossa falência (HEIDEGGER; BOFF; LAPLANTINE; LÉVINAS et alii).

Essa postura se estende ao institucional. O Revitalizando Culturas anima e subsidia  o pilar da Cultura, uma das opções do atual Plano de Gestão. Na verdade, uma escolha vivenciada pela Unisul desde seu nascimento pela inclusão e participação de todas as culturas que compõem seu entorno. Agora, pela virtualidade, é seu objetivo estratégico integrar culturalmente a universidade com o meio regional, nacional e internacional.

É para qualificar as ações com este foco entre seus pesquisadores, docentes, discentes e sujeitos-comunidades que apontam nossas três linhas de pesquisa do Núcleo de Pesquisa Revitalizando Culturas: sagrado, ética e comunicação. 


Fonte: Plataforma Lattes -  Núcleo de Pesquisa - Revitalizando Culturas: sagrado, ética e comunicação